Produção Gráfica (CRP-0357, ECA)/Perfis/not/Arthur Rosa Boni

De Stoa
Ir para: navegação, pesquisa

Conteúdo

Arthur Rosa Boni - Trabalhos

Elementos de design: contraste

08292.jpg

Esta peça é um ótimo exemplo de contraste, pois nela estão contidos vários elementos de como tornar um elemento da imagem mais visível do que os outros. O primeiro elemento se dá pelo posicionamento; a mulher da direita (objeto do destaque da peça) está sozinha em sua posição, distante e muito mais próxima do receptor desta imagem do que o grupo de outras mulheres que carregam baldes na cabeça, ou bombeiam água nos mesmos. O segundo artifício de destaque mais perceptível está na mulher em si; ela não está com um lenço amarrado na cabeça e de cabeça baixa como as outras mulheres, mas sim com a cabeça erguida, cabelo arrumado, usa um colar e roupas mais leves e coloridas, enfim, parece estar numa festa onde ela é a principal convidada, ao invés de estar trabalhando com muito esforço. Por fim, o mais importante, que é a diferenciação de como esta mulher está levando água para casa, ou seja, a esponja em lugar do balde.

Esta peça ganhou bronze na categoria oudoor no festival de Cannes de 2005.


Exemplos de bom design

Um exemplo clássico de bom design é o iMac

IMac_transparency.png

Formas modernas, simples, compactas; interface amigável e comfortável. O iMac é um exemplo de total adequação de design; tanto em sua categoria tecnológica, onde se mostra como um produto que, justamente por suas linhas e formas, se mostra como "tecnologia de ponta"; quanto para seu público-alvo, que são pessoas que, geralmente, não sabem e não querem saber o que existe no interior de um PC ou do próprio iMac. Em suma, o design certo para o produto e público certos.


Outro exemplo no qual a simplicidade vale o mérito: a capa do disco "The dark side of the moon".

pinkfloyd-album-dark_side_of_the_moon.jpg

Fazendo uso de elementos geométricos básicos, sem maiores efeitos e sobre um fundo preto, esta imagem passa todo o conceito de transição do álbum; ou seja, simplicidade visual para repassar um conceito complexo; arte aplicada.


Exemplos de mau design

Um exemplo de design surpreendentemente ruim está no case de um PC comum.

antec_SLK1650B_pc_case_enclosure_atx_minitower.gif


Um paralelepípedo cheio de mistério. Esta é a melhor definição para o desenho de um PC convencional e para a impressão que este desenho causa sobre qualquer ser humano que nunca arriscou dilacerar um lacre de garantia para conferir o que há no interior do mesmo. É surpreendente que tanta evolução tenha acontecido no interior dos computadores caseiros, mas que suas formas ainda lembrem peças do Stonehenge. Um usuário de PC que condene um iMac por este ser um produto que, a primeira vista, se encontre mais próximo de uma loja Tok&Stok do que de uma loja de informática, não deve imaginar que um ser humano comum não está disposto a enxergar uma caixa de metal como uma tecnologia superior àquela oferecida pelas linhas modernas do produto da Apple.


Outro exemplo clássico de mau design: capas de discos de cantores sertanejos.

amorabsoluto1.jpgcd_capa_brno_e_marroni_sucessos.jpgLeonardo-tempoCD.jpg

Todas estas capas cabem na mesma crítica pela simples observação de que elas são todas iguais ou muito semelhantes (afinal, algumas destas capas por vezes mostram dois homens sorridentes ao invés de apenas um). É notável que, assim como a capa do disco “The dark side of the moon”, todas estas capas consistem de elementos bastante simples: um homem ou dois sobre um fundo de pouco ou nenhum significado ou importância. Porém, formas geométricas fixas e homens de pouca estatura não figuram em categorias semelhantes de elementos de composição gráfica. Talvez a mímica entre todas estas capas tenha a funcionalidade de lembrar quanto ao conteúdo dos discos, porém isto não justifica a falta de vontade criativa nas capas dos mesmos.


Designer: Laszlo Moholy-Nagy

m198121630004.jpg

Antes de qualquer opinião sobre este fotograma de 1922, é importante assinalar o processo de produção do mesmo; ou seja, o posicionamento de objetos sobre papel foto-sensível e a exposição deste à luz com o objetivo de capturar a sombra destes objetos sobre o papel. Tendo isto em mente, é impressionante o volume e relevo contidos nesse fotograma e conseguidos somente com o uso brilhante de sombra e luz, produzindo áreas mais e menos iluminadas quando, na verdade, aquilo que se vê é sombra. A peça central, facilmente identificável justamente pela noção realística de volume, desliza sobre o papel e há a impressão de que ela deixa rastros dos filetes prateados que partem simetricamente do centro da peça, enfim, imagens de luz, relevo, volume e movimento, obtidos através da captura da sombra de objetos estáticos.


m198121630013.jpg

Nesta imagem o aspecto mais notável não é o trabalho com a luz, mas sim o movimento. A disposição quase aleatória dos objetos cria não só uma imagem de movimento, mas de explosão; como se o fio acabasse de chicotear os clipes de papel que agora estão voando para todos os lados. É de se notar também o papel da forma oval no fundo da imagem, primeiramente por seu posicionamento, afinal, ao se considerar a técnica usada, não é simplesmente uma questão de colocar ao fundo, mas sim de organizar a sombra para que o objeto pareça estar ao fundo; e pela sensação causada pelo objeto que, mesmo não sendo, necessariamente, o único elemento responsável pela noção de suspensão da imagem, é fundamental para sua sustentação.


Cor aprendida x cor apreendida

Duas cores se multiplicam quando seu suporte é modificado ou quando há uma diferenciação de contraste:

WhiteStripes2.jpg

Qual é a cor da calça de Meg White (à esquerda)? Qual é a cor de seu pé direito? Qual a cor do bumbo sobre o qual ela apóia o pé? É possível dizer as únicas "cores" desta foto são preto, branco e vermelho? É possível dizer que sim, se considerarmos as cores "aprendidas", ou seja, existe um reflexo imediato para se responder as três primeiras perguntas dizendo "branco"; Entretanto, é impossível afirmar que a calça, o pé e o bumbo da baterista são da mesma cor, pois são perceptivelmente diferentes, têm cores "apreendidas" diferentes. O mesmo acontece com todos os objetos vermelhos da foto, pois estes são suportes diferentes, sob situações de iluminação diferentes e têm seu contraste definido por outros elementos. Esta observação é fundamental para a produção gráfica, afinal é imprescindível a noção de que a resposta para a pergunta "quantas cores existem nesta imagem?" é sempre "depende".


Projeto Gráfico

Briefing


Objetivos

Criar a maior fonte de informação sobre a banda Iron Maiden já produzido. A enciclopédia Iron Maiden terá a história detalhada da banda; história individual de cada membro que já passou pela banda, contada por eles mesmos; capas dos discos da banda, juntamente com comentários dos integrantes e letras de todas as músicas; tudo isso em capa dura e papel de alta qualidade. Um item de colecionador.

Público-alvo

Fãs dedicados da banda.

Mensagem

Um item de colecionador de alta qualidade que qualquer fã de Iron Maiden que valha o seu cabelo deve ter.

Resposta esperada

Loucura metaleira por, finalmente, existir um material tão completo sobre a maior banda de Heavy Metal da história.


Justificativa

Uma enciclopédia sobre a maior banda de metal pesado não poderia ser feita de outra forma: pesada. Essa característica se aplica tanto ao layout, quanto aos tipos escolhidos e, principalmente, ao peso material da enciclopédia. Tudo com imagens da banda e do mascote da banda a cada página.

Harmonia: toda a enciclopédia segue a mesma estrutura, há acordo entre os elementos gráficos e tipográficos, tanto entre si, garantido pela organização proporcional entre eles, quanto em relação à estética da banda.

Hierarquia: a hierarquia do projeto é desenvolvida na ordem título, texto e imagem; esta ordem é garantida pelo destaque dos elementos e por seu posicionamento.

Proporção: toda a diagramação do projeto segue múltiplos constantes, tanto nos tipos quanto nos espaçamentos e margens, há a exceção das páginas-título, porém estas são completamente destacadas de qualquer outro elemento e, portanto, não interferem na leitura do layout.

Agrupamento e contraste: o contraste do projeto é garantido por seu agrupamento; imagens sangradas em toda a página e páginas-título são separadas das páginas de texto por uma página em branco (preto, no caso deste projeto), tendo assim sua visualidade garantida de forma a não interferir com a leitura do texto. As páginas com texto são agrupadas devidamente através do alinhamento da página.

Alinhamento: à exceção das páginas de imagens sangradas e páginas-título, todo o projeto segue um alinhamento bastante perceptível e proporcional.

Tipo escolhido: Franklin gothic medium. Este tipo foi escolhido por não apresentar serifa e por ser relativamente pesada sem necessitar de modificação de estilo, garantindo a unidade da tônica do projeto. Há também o tipo “Iron Maiden” o oficial da banda, escolhido por razões óbvias.


Restrições técnicas

O livro será muito pesado, o que dificultará o transporte ou a leitura em qualquer lugar que não seja sobre uma mesa.

Será um livro com grande qualidade de material, aumentando bastante o preço final.


Tipografia utilizada

Capa: Iron Maiden, tamanhos 75pt (Título) e 50pt (Subtítulo).

Folha de rosto: Iron Maiden, tamanho 75pt.

Índice: Iron Maiden, tamanho 60pt (Título índice); Franklin Gothic medium, tamanhos 60pt (Título de referência de capítulo) e 15pt (Título de referência de sub-capítulo).

Páginas-título dos capítulos: Iron Maiden, tamanho 75pt.

Páginas do capítulo “história”: Franklin Gothic medium, tamanho 20pt.

Páginas dos demais capítulos: Iron Maiden, tamanho 30pt; Franklin Gothic medium, tamanho 20pt.


Franklin Gothic Medium


FranklinMedium2.JPG


Iron Maiden


Iron_maiden0.png


Entrelinhas

Capa: 75pt.

Folha de rosto: 75pt.

Índice: 30pt.

Páginas-título dos capítulos: 75pt.

Demais páginas: 30pt.


Dimensões

Formato fechado: 623,6221 x 1048,8187 pontos

(22 x 37 centímetros).

Formato aberto: 1247,2442 x 1048,8187 pontos

(44 x 37 centímetros).


Margens e Colunas


Capa

Margem superior: 450 pontos

Margem inferior: 425 pontos

Margem esquerda: 25 pontos

Margem direita: 17,37 pontos

Folha de rosto

Margem superior: 525 pontos

Margem inferior: 450 pontos

Margem esquerda: 25 pontos

Margem direita: 17,37 pontos

Índice

Margem superior: 60 pontos

Margem inferior: 58,96 pontos

Margem externa: 128,7 pontos

Margem interna: 45 pontos

Páginas título dos discos

Margem superior: 60 pontos (frente); 150 pontos (verso)

Margem inferior: 58,96 pontos (frente); 388,96 (verso)

Margem esquerda: 60 pontos (frente); 60 pontos (verso)

Margem direita: 53,7 pontos (frente); 53,7 (verso)

Demais páginas:

Margem superior: 60 pontos

Margem inferior: 58,96 pontos

Margem externa: 128,7 pontos

Margem interna: 45 pontos


Capa

Imagem-capa-iron.jpg

Folha de Rosto

Folhaderostoiron.JPG

Índice

página direita

Indicepagdireita.JPG

página esquerda

Indicepagesquerda.JPG

Páginas-título dos capítulos

Pagtitulocap.JPG

Páginas de texto do capítulo “História”

página direita

Histpagdireita.JPG

página esquerda

Histpagesquerda.JPG

Páginas do capítulo “A banda”

página direita

Bandapagdireita.JPG

página esquerda

Bandapagesquerda.JPG

Páginas de apresentação dos discos

página direita

Discofrente.JPG

página esquerda

Discocostas.JPG

Páginas com as letras das músicas

página direita

Musicapagdireita.JPG

página esquerda

Musicapagesquerda.JPG


Memorial de Gráfica


Suporte: Capa: Cartão Triplex, Preto, 500g/m² Miolo: Papel Couché brilhante, Preto, 150g/m²;

Revestimento: Papel Couché Fosco, 75g/m² (Capa);

Processo de impressão: Off-set;

Cores: Capa (revestimento) > 4x0 CMYK, Miolo > 4x4 CMYK;

Formato do papel original: Papel AA (76x112);

Aproveitamento de papel: 10 folhas de 22x37cm, espaçamentos de corte de 20mm e 5mm, 372cm² de desperdício por papel;

Formatos: Fechado > 22x37cm, Aberto > 44x37cm;

Processos especiais: Relevo seco (letras na capa);

Tintas especiais: Tinta metálica (letras na capa);

Imagens: 3 imagens de 22x37cm em 300dpi (Capa, folha final e quarta capa), 181 imagens de 4x37cm em 300dpi (margens externas das páginas de texto), 22 imagens de 18x18cm em 300dpi (frente e costas dos discos);

Acabamento: refile e laminação (capa);

Faca: 4 facas retas;

Encadernação e Capa: Tela e Capa dura.

Tiragem: 8 mil cópias.

Distribuição: Correio para encomendas feitas no site oficial da banda.

Ferramentas pessoais
Espaços nominais

Variantes
Ações
Navegação
Imprimir/exportar
Ferramentas